• Taiara Desirée

15 DICAS PARA NÃO COMPRAR POR IMPULSO


Siga as dicas e veja como é fácil não comprar por impulso. Acredite, tudo é uma questão de treino, faça dele um hábito e não caia nas armadilhas do consumo.


Foto Pixabay

Você já ficou feliz com uma boa compra, mas também já se pegou triste e arrependida por uma péssima escolha?! Isso costuma acontecer com pessoas que compram por impulso, e para evitar esse tipo de armadilha do consumo, seguir algumas dicas básicas pode ser fundamental.

Comprar não é tão fácil como se pensa, mesmo que o dinheiro não seja o problema, muitas vezes nos pegamos indecisas no momento da escolha da peça.

Quem nunca saiu de casa para comprar determinado produto e voltou com outro completamente diferente do necessitado? Sair por aí apenas com uma vaga ideia do que deseja pode ser um grande passo para uma compra errada. Então vamos às dicas.


Foto Pixabay

EM CASA:

[1] Tenha o hábito de organizar o seu armário, anotar as peças importantes que lhe faltam e até mesmo checar algumas que você já tenha, mas que por alguma razão precisam ser trocadas. Pode ser por desgaste do uso/tempo, por não caber mais em você, etc. Essa prática ajuda muito a identificar o que realmente precisa comprar.

[2] Anote tudo e tenha essa listinha com você [no bloco de notas do seu smartphone], assim fica fácil tê-la por perto quando estiver no dia de compras.

[3] Procure organizar os itens à mostra, deixe-os visíveis. Assim fica fácil de identificar suas peças e usar com mais frequência, não caindo no esquecimento.

[4] Faça doação das peças que não lhe servem mais e, se forem itens essenciais, anote na lista para repor no seu armário. Doar faz bem, ajuda outras pessoas e evita acúmulos, pratique isso pelo menos a cada 6 meses.

[5] Repita suas roupas! Com exceção dos vestidos de casamento e formatura, nenhuma roupa foi feita para usar uma única vez. Não tenha medo de repetir suas peças, mude as combinações, os acessórios e exercite a sua criatividade, mostre que tem estilo.


Foto Pixabay

NO SHOPPING:

[6] NUNCA compre a primeira peça que ver. Aquela roupa não vai sumir do cabide da loja, então peça a vendedora para reservar enquanto você tem uma oportunidade de verificar em outras lojas. Isso ajuda a escolher a melhor opção. Pense, comprar custa dinheiro, então busque sempre a melhor escolha, não haja por impulso. Se necessário, depois de vistas as opções, pare uns 15 minutos para tomar um café enquanto decide sobre qual peça levar.

[7] Faça sempre as 3 perguntas antes de comprar: Eu preciso dessa peça? Vou realmente usar? Combina com outros itens do meu closet? Se você disser sim, a pelo menos uma delas, será uma boa escolha.

[8] Evite comprar quando está deprimida ou naqueles seus piores dias. Normalmente as escolhas não serão as melhores ou mais sensatas. Comprar apenas para compensar o estado de espírito nunca é uma boa prática, prefira outros programas, pegar um cinema, ler um bom livro, fazer uma atividade física, etc.

[9] SEMPRE experimente a roupa antes de comprar. Veja todos os detalhes, qualidade da peça, analise direitinho se vestiu bem e coube em você, se precisar de ajustes - passe adiante - não se preocupe, com certeza você vai encontrar alguma peça ideal. Nem fique nessa de “ah, se eu emagrecer um pouquinho fica perfeita”, não caia nessa, a roupa vai ficar encostada no guarda-roupas e você acabará não usando. Compre o que realmente ficou bem!

[10] Evite seguir a opinião da vendedora, afinal, ela está ali para vender e a maioria, embora haja exceções, quer vender a todo custo. Prefira caminhar pela loja vestida com peça, sente-se, levante-se e veja se está tudo ok, se for um calçado, ponha os dois nos pés e ande pela loja para testar o conforto. Trabalhe o seu senso crítico e tire suas próprias conclusões sobre a peça, afinal quem vai usar é você, então precisa se sentir bem com ela.


Foto Pixabay

[11] Prefira fazer suas compras sozinha, tenha esse tempo para você. Olhe as vitrines com calma, prove as peças, entre nas lojas, não tenha vergonha. Gaste esse seu momento para fazer boas escolhas e não com rapidez porque alguém está a sua espera, o que faz você acabar comprando o que não queria.

[12] Lembre-se da lista de necessidades, compre primeiro o que é mais urgente, depois vá para os extras. Assim você sempre terá os itens essenciais.

[13] Evite as armadilhas das liquidações, muitas peças são defeituosas e ficam nas lojas somente o que sobrou. Nesses dias, mantenha o hábito de comprar apenas o que precisa ou aquela peça que realmente lhe vestiu bem e que você irá usar de fato, afinal, você também merece se presentear com mimos extras. Se atende àquelas três perguntas básicas (n. 2) e se o preço está bom, porque não levar?!

[14] Lembre-se, roupa é investimento, afinal, você dedica parte do seu salário, por isso pense sempre na relação custo/benefício. As vezes uma peça mais cara, de ótima qualidade e que será muitíssimo usada, compensa mais do que gastar com itens baratos que logo se desgastam e ficam engavetados.

[15] Vista-se bem para ir às compras. Seja uma ótima referência para você mesma. Se você estiver mal vestida, qualquer coisa que colocar sobre o corpo será melhor do que estiver usando, talvez você compre só por se sentir melhor naquele momento. Vestir-se com uma roupa confortável e fácil de tirar e colocar também é uma boa pedida, afinal você fará muito isso antes de comprar.


Foto Pixabay

Praticando as dicas elas se tornarão um hábito, quando você menos perceber, estará uma expert nas compras e verá que comprar deve ser, antes de tudo, uma atitude inteligente e consciente. Não gaste à toa, lembre-se que isso pode lhe custar muito caro.

Um beijo e boa sorte!

Taiara Desirée

#comprarporimpulso #comonãocomprarporimpulso #dicasdecompras #fashion #Bloguesia #TaiaraDesirée #aprenderacomprar #oquecomprar #moda

185 visualizações

Apoie o Bloguesia

A missão do Bloguesia é levar informação confiável e relevante para ajudar e inspirar os leitores a compreender e buscar um estilo de vida mais saudável, harmônico e compassivo, respeitando a natureza e todos os seres que habitam a Terra conosco. São mais de 9 anos de pesquisas, estudos, posts, parcerias e publicações através de textos, fotos, artigos, vídeos e áudios produzidos de forma independente pela Taiara Desirée - e/ou selecionados por ela (no caso dos Colunistas). Taiara tem a comunicação como um propósito de vida, sendo imensamente grata a todos que fazem parte desta história. Uma Criativa Cultural e entusiasta, que carrega no coração uma enorme vontade de fazer muito mais. Ao doar para o Bloguesia, você colabora para a manutenção deste trabalho, ajudando a melhorá-lo e a trazer para o mundo cada vez mais conteúdo de valor.

Gratidão!

Bloguesia by Taiara Desirée

2019 POR TAIARA DESIRÉE - CNPJ 26.259.889/0001-10 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.