• Taiara Desirée

TECNOLOGIA APROPRIADA PARA A ÁGUA - GEDS ECOLÓGICO

Reflexão dos estudos do Módulo 2 da Dimensão Ecológica do Curso Design Para Sustentabilidade do Gaia Education, que apresenta o tema 'Abordagem sistêmica da Água e Tecnologia Apropriada'.



Refletir sobre a água é bem significativo. Água é fonte de vida, indispensável para a existência humana, farta na atmosfera e no planeta Terra, cobrindo grande parte de sua superfície, sendo, inclusive, o maior constituinte dos fluidos dos seres vivos. É assim que a vejo, essencial para a vida e, por tal razão, tenho zelo por esse riquíssimo presente que a Mãe Natureza nos ofertou em abundância, devido a sua absoluta importância.


Há muito, possuo um cuidado especial com a água, consumindo com responsabilidade, evitando desperdícios e contaminações. Com isso, dia após dia, venho descobrindo novas formas de proteger nossas águas, como por exemplo através do descarte adequado dos resíduos; do não uso de produtos domésticos que possuem componentes químicos e tóxicos, que, por sua vez, são despejados nas águas servidas; da diminuição das lavagens de peças de roupas que podem expelir micro plásticos que vão parar nos rios e oceanos; entre outros aspectos que me fazem adotar hábitos mais saudáveis, sustentáveis e regenerativos.


Por consequência da atenção que dedico a este recurso, sigo numa constante reflexão sobre os ‘problemas com a água’ presentes na minha biorregião, e isso muito me entristece, pois vejo que, onde vivo, infelizmente, não tratam as águas como prioridade. É lamentável ver os rios que banham a cidade tão poluídos com despejo de todo tipo de lixo e até mesmo esgoto, um problema que chega até as águas das nossas praias, tão belas, mas impróprias para banho.


Como menciona a apostila:

O esgoto não tratado alcançando cursos de água naturais ou o mar, faz com que haja uma eflorescência algal, maré vermelha, bem como as ditas zonas mortas.


Estudar sobre a teoria biológica por trás do design de sistemas de tratamento naturais de água foi um curioso aprendizado, que me fez entender como é essencial restaurar o ciclo hidrológico completo para restabelecer a biocapacidade na paisagem; como os dejetos humanos são um verdadeiro recurso, e como o tratamento desses resíduos através da digestão anaeróbica é uma maneira por meio da qual podemos fechar os ciclos e garantir que utilizamos esses resíduos para produzir combustível (biogás), além de remover DBO do esgoto, de conservar nutrientes e, o mais importante, de reduzir patógenos.


Como bem leciona o material, os seres humanos sofrem com a contaminação das águas por esgoto não tratado. As doenças veiculadas pela água transmitidas através de excrementos humanos são uma das principais causas de morte em todo o mundo, especialmente nos denominados, países em desenvolvimento.


O esgoto não tratado, além de causar uma grande incidência de doenças nos países em desenvolvimento, está também desperdiçando nutrientes valiosos em locais onde fertilizantes não estão disponíveis, isso é absurdo, afinal, Biodigestores transformam resíduos humanos em biofertilizantes.





Outro ponto importante, foi saber que existe também uma grande falha nos sistemas de tratamento de esgoto de países desenvolvidos, onde enormes quantidades de energia são despendidas para arejar e para tratar o esgoto, quando, por outro lado, os sistemas de tratamento naturais tratam e também produzem energia, ao invés de consumi-la.


Como exemplo temos os Sistemas de Tratamento Ecológico por Alagados (STEAs), que são uma forma sustentável de purificação de águas servidas, são sistemas de baixa entropia, pois não usam combustíveis fósseis ou eletricidade para purificá-las, funcionando pelo aproveitamento da habilidade inata dos ecossistemas naturais de zonas úmidas de absorver e de transformar os nutrientes orgânicos encontrados em águas servidas, convertendo-os em biomassa vegetal e em solo. STEAs contribuem para as necessidades de energia do lugar, e isso é fantástico!


Sobre os sistemas de tratamento de águas servidas baseados em Tanques, achei interessante saber e ver como as ecologias plantadas fazem as estufas parecerem jardins botânicos, com uma ampla diversidade de plantas sendo cultivada, como foi apresentado no exemplo da Organica Water, na Hungria.


Enfim, embarcar nesse estudo da abordagem sistêmica para água me fortaleceu a ideia de continuar praticando hábitos sustentáveis, mas, também, estimulou-me a compartilhar mais informações e campanhas para salvar nossas águas através do Saneamento Ecológico, que, inclusive, estará na pauta dos meus futuros projetos.


Em evolução...


Taiara Desirée


#designparasustentabilidade #designecológico #dimensãoecológica #GaiaEducation #geds #águas #poluiçãodaságuas #saneamentoecológico #tecologiasparaágua #reflexão


0 visualização

Apoie o Bloguesia

A missão do Bloguesia é levar informação confiável e relevante para ajudar e inspirar os leitores a compreender e buscar um estilo de vida mais saudável, harmônico e compassivo, respeitando a natureza e todos os seres que habitam a Terra conosco. São mais de 9 anos de pesquisas, estudos, posts, parcerias e publicações através de textos, fotos, artigos, vídeos e áudios produzidos de forma independente pela Taiara Desirée - e/ou selecionados por ela (no caso dos Colunistas). Taiara tem a comunicação como um propósito de vida, sendo imensamente grata a todos que fazem parte desta história. Uma Criativa Cultural e entusiasta, que carrega no coração uma enorme vontade de fazer muito mais. Ao doar para o Bloguesia, você colabora para a manutenção deste trabalho, ajudando a melhorá-lo e a trazer para o mundo cada vez mais conteúdo de valor.

Gratidão!

Bloguesia by Taiara Desirée

2019 POR TAIARA DESIRÉE - CNPJ 26.259.889/0001-10 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.